Não há discussão sobre adiar a eleição no RS, afirma Moraes

Política Nacional

Nesta terça-feira, o ministro Alexandre de Moraes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), esclareceu que não há qualquer discussão sobre adiar as eleições municipais no Rio Grande do Sul. Essa medida havia sido cogitada pelo governador do estado, Eduardo Leite (PSDB). Durante a abertura da sessão do TSE, Moraes afirmou que não existe previsão ou debate sobre o adiamento.

O motivo para a sugestão de adiamento por parte de Leite foi a ocorrência de temporais no estado, que causaram estragos. No entanto, Moraes ressaltou que não houve danos estruturais significativos no Tribunal Regional Eleitoral e nos juízos eleitorais que inviabilizem a realização das eleições em outubro. O calendário eleitoral permanece inalterado para todo o Brasil.

Portanto, a posição oficial é de que as eleições municipais no Rio Grande do Sul ocorrerão conforme o planejado, sem adiamentos. A população poderá exercer seu direito de voto dentro do prazo estabelecido, independentemente dos desafios climáticos enfrentados pelo estado.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *