TSE rejeita pedido de cassação de Sergio Moro

Política Nacional

Em uma decisão unânime, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou o pedido de cassação do mandato do senador Sérgio Moro (União Brasil-PR). As ações movidas pelo PT e PL acusavam o parlamentar de abuso de poder econômico. O relator do caso, ministro Floriano de Azevedo Marques, rejeitou todas as acusações, incluindo caixa 2, uso indevido de meios de comunicação e contratos irregulares.

Marques destacou que os gastos relacionados à pré-campanha eram razoáveis e proporcionais, considerando as circunstâncias do caso e o longo lapso temporal da alegada pré-campanha. Ele afirmou: “Não configurando abuso na pré-campanha.”

Além disso, outros ministros, como André Ramos Tavares, Cármen Lúcia, Kassio Nunes Marques, Raul Araújo, Isabel Galloti e Alexandre de Moraes, acompanharam o voto do relator.

O senador Moro celebrou a decisão unânime do TSE, afirmando que os boatos sobre a cassação de seu mandato foram exagerados. Ele ressaltou que o julgamento foi técnico e independente, e que a soberania popular e os votos de quase dois milhões de paranaenses foram respeitados. Moro reafirmou seu compromisso em honrar sua posição no Senado.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *