Nesta segunda-feira (28), o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, alfinetou o governo após o ministro da Educação, Milton Ribeiro, deixar o cargo. Em sua conta do Twitter, o pré-candidato do Podemos à Presidência disse que o povo brasileiro ainda não sabe “qual é a política educacional do governo” de Jair Bolsonaro.

Milton Ribeiro decidiu pedir exoneração após a divulgação de áudios que mostrariam uma suposta influência de pastores no Ministério da Educação. A gravação foi divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo na semana passada.

Ao comentar a situação, Moro garantiu que seu projeto terá como foco o ensino fundamental e a alfabetização.

– Mais um Ministro da Educação que se vai e ainda não sabemos qual é a política educacional do governo. Em nosso projeto, o foco do MEC será o Ensino Fundamental e a Alfabetização – ressaltou.

O ex-juiz também lembrou que o caso precisa ser investigado.

– Apesar da saída, as denúncias sobre a propina cobrada por intermediadores para a liberação de verbas do MEC precisam ser rigorosamente apuradas. Até o momento, só vi a imprensa trabalhando – apontou.

Fonte: Pleno News