Após se filiar ao Podemos e com expectativa de disputar a Presidência da República em 2022, o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, segue concedendo entrevistas. E em declaração à Bloomberg, o ex-juiz falou sobre o Centrão e disse que existem “partidos” e “pessoas boas” no bloco.

Para Moro, não é possível fazer generalizações.

– Existe uma linha de princípio que há ética na política. Existem partidos e pessoas no Centrão que são pessoas boas (…) Não pode fazer essa generalização. Dentro de cada partido tem bons indivíduos que podem somar com projeto e diálogo republicano – apontou.

Durante a entrevista, Moro também afirmou que não negociaria nem com o presidente Jair Bolsonaro e nem com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

– Houve uma perspectiva de mudança e as pessoas se frustraram porque expectativas não se confirmaram. Muita gente sente aquele espírito de desolação, de que está tudo perdido. Se o cidadão vai no supermercado e só tem dois produtos na prateleira, os dois produtos podem ser ruins, mas ele vai ter que escolher um deles. Precisamos apresentar outros produtos, projetos que tenham credibilidade – destacou.

Fonte: Pleno News