Usuários de redes sociais criticaram a CNN Brasil por conta da cobertura da morte e do velório da cantora Marília Mendonça. Na sexta-feira (5), ao falar sobre o falecimento da artista, a jornalista Daniela Lima também falou sobre as mortes da pandemia da Covid e lembrou da perda de Paulo Gustavo.

– É dia de comoção, num país que já perdeu tanta gente, num país que já perdeu Paulo Gustavo, 607 mil pessoas para a Covid-19… perdemos agora Marília Mendonça – falou.

Os comentários de Daniela provocaram revolta em usuários do Twitter, que subiram a tag #CNNLixo para protestar. O deputado Carlos Jordy chamou a profissional de “blogueira”.

– A blogueira da CNN Daniela Lima usa a morte da Marília Mendonça para lacrar com a pandemia. Uma comparação esdrúxula e um desrespeito com a família e fãs da cantora – destacou o parlamentar.

Já neste sábado (6), dia em que houve o velório e o sepultamento da cantora, a âncora Tainá Falcão cometeu uma gafe ao chamar a cantora Maraisa, da dupla com Maiara, de “aquela mocinha”. A declaração foi dada durante a cobertura do velório, no momento em que a mãe de Marília, dona Ruth Dias, era amparada pela sertaneja.

– Ela está amparada por aquela mocinha ali, que deve ser da família, e pelos seguranças – disse Tainá.

Fonte: Pleno News