O ex-vereador Leonel Brizola Neto (RJ), neto do fundador do PDT Leonel Brizola, anunciou nesta quinta-feira (4) a saída do PSOL para se filiar ao PT. O político afirmou que a mudança de partido se dá em virtude do avô, que esteve ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em momentos decisivos do país.

– […] Entendo que o momento que estamos passando, principalmente, o perigo de esfacelamento do nosso processo civilizatório, me impele a cerrar fileiras ao lado do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Nos momentos cruciais de nossa história, meu avô Leonel Brizola sempre esteve ao lado de Lula. A reconquista dos direitos trabalhistas, a defesa da soberania nacional e a luta contra o imperialismo exigem a união das esquerdas – publicou o ex-vereador.

Brizola Neto também agradeceu ao PSOL, onde esteve filiado nos últimos seis anos. No entanto, ele declarou que o PT “é o partido brasileiro que mais defende as questões caras a nós trabalhistas, brizolistas”.

A mudança de partido foi anunciada no mesmo dia em que o PDT virou alvo de críticas após votar, em parte, a favor da PEC dos Precatórios. O projeto foi proposto pelo governo federal para abrir espaço no orçamento para a implementação do Auxílio Brasil. Por causa da votação, Ciro Gomes anunciou a suspensão de sua pré-candidatura à Presidência da República por entender que não pode “compactuar com a farsa e os erros bolsonaristas”.

Fonte: Pleno News