Nesta quinta-feira (23), durante sua tradicional live pelas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que voltou a conceder entrevistas a veículos da imprensa tradicional. Durante a transmissão, ele contou que conversou com repórteres da revista Veja e disse que poderia falar com a Globo também.

Na transmissão desta quinta, Bolsonaro não esteve acompanhado de ninguém ao seu lado, já que está de quarentena devido ao diagnóstico de Covid-19 do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que esteve com ele nos Estados Unidos.

Ao falar da entrevista que deu à Veja, o presidente disse que concedeu uma hora de seu tempo à revista.

– Eu vou voltar a conversar isoladamente com alguns órgãos de imprensa, como acabei ainda há pouco a falar com a revista Veja. Procuraram e quiserem me entrevistar. Eu concordei, tive uma hora à disposição e a Veja vai fazer uma matéria para sábado e domingo – apontou.

Bolsonaro então disse que as matérias não contenham “distorções” e deixou claro que poderia conversar com a Globo, mas só ao vivo.

– Então a imprensa que quiser conversar comigo, não tem problema. Agora a gente espera que não haja distorções. No tocante ao sistema Globo, se quiserem uma entrevista ao vivo eu estou à disposição. Gravar para vocês fica difícil. Agora se quiserem ao vivo, sem problema nenhum. Até para a gente relembrar as eleições de 2018, quando a Miriam Leitão foi ‘psicografada’. Um episódio que tratamos sobre o dia 31 de março – destacou.

Fonte: Pleno News