Lula compara tentativa de golpe na Bolívia com atos do 8/1

Nesta segunda-feira (8), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) condenou a tentativa de golpe de Estado na Bolívia e afirmou que “falsos democratas tentam solapar as instituições” na América do Sul. A fala aconteceu durante a cúpula do Mercosul em Assunção, no Paraguai.

– Há menos de 15 dias, um membro de nosso bloco sofreu uma tentativa de golpe. A democracia prevaleceu graças à firmeza do governo boliviano, à mobilização do seu povo e ao rechaço da comunidade internacional – declarou Lula.

O brasileiro ainda comparou o que aconteceu na Bolívia em 26 de junho com a manifestação do dia 8 de janeiro de 2023 que aconteceu em Brasília, dizendo aos líderes da América Latina que é preciso ficar “vigilante”, pois “falsos democratas tentam solapar as instituições e colocá-las a serviço de interesses reacionários”.

Segundo o petista, enquanto a região continuar entre as mais desiguais do mundo, a estabilidade política estará ameaçada.

*Pleno News

Bruno Rigacci

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site! ACEPTAR
Aviso de cookies