Economista avalia que governo Lula pode virar Dilma 2

Política Nacional

Selene Peres Nunes, economista e uma das autoras da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), além de secretária de Economia de Goiás, acredita que o presidente Lula pode enfrentar dificuldades na economia e nas eleições de 2026 se persistir em fazer “puxadinhos” nas contas públicas. Ela sugere que a atual administração do PT pode se assemelhar ao governo de Dilma Rousseff (PT).

– Tentativas de “pedalar” as contas podem ser feitas, mas a transparência acaba prevalecendo. As instituições reagem. No passado, vimos uma forte reação do Tribunal de Contas da União ao rejeitar as contas de Dilma. Há um risco de o mercado começar a avaliar o governo de forma cada vez mais negativa, o que pode afetar as condições de financiamento da dívida pública. Com isso, os juros aumentam e a economia como um todo é afetada. E então surge o aspecto político da situação. Ninguém gosta de lidar com o aumento de preços e uma economia de baixo crescimento, o que pode influenciar as eleições de 2026 – disse.

Na visão de Nunes, o quadro fiscal do governo federal compromete a credibilidade da LRF ao estabelecer uma meta de resultado primário (receitas e despesas) com margens de tolerância que, na prática, permitem déficits públicos e permitem que o governo evite medidas de ajuste.

Ela também afirmou que “o governo continua acreditando que gasto é vida e tem dificuldade de perceber que a economia com desequilíbrio fiscal causa inflação”. As informações são do Estadão.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *