Produção de Nikolas sobre 8/1 ultrapassa 16,4 milhões de views

O deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) lançou um documentário que conta a história de presos pelos atos do 8 de janeiro de 2023. A proposta da produção é contrapor a ideia da esquerda de que houve uma tentativa de golpe de Estado naquela data.

Os primeiros quatro episódios já foram publicados e somam mais de 16,4 milhões de visualizações.

O primeiro episódio conta a história de Cleriston Pereira da Cunha, um empresário que morreu após sofrer um mal súbito na Papuda.

O segundo episódio é sobre Jorginho Cardoso de Azevedo, condenado a 17 anos de prisão. De acordo com o vídeo, não há provas de que ele tenha depredado os prédios públicos.

O terceiro episódio conta a história de Jorge Luiz dos Santos, preso sem qualquer condenação. A Procuradoria-Geral da República já deu parecer pela sua soltura.

O quarto episódio fala sobre o caso de Thiago de Assis Mathar, condenado a 14 anos de prisão. A denúncia diz que ele estava armado, mas seus familiares dizem que ele estava apenas com a bandeira do Brasil.

O documentário está disponível no Instagram, YouTube e Facebook.

Nikolas Ferreira é um dos principais defensores dos presos pelos atos do 8 de janeiro. Ele afirma que eles estão sendo perseguidos politicamente.

A esquerda, por outro lado, acusa os presos de serem golpistas que tentaram derrubar o governo.

O debate sobre os atos do 8 de janeiro ainda está acalorado. O documentário de Nikolas Ferreira é mais um elemento nessa discussão.

Bruno Rigacci

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site! ACEPTAR
Aviso de cookies