O deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) utilizou seu perfil na rede social X, o antigo Twitter, para denunciar o “esquecimento deliberado” do caso Choquei, orquestrado pela grande mídia.

Em sua publicação, o parlamentar critica a “cortina de fumaça” criada em torno do episódio que também envolve a agência Mynd8, de Fatima Pissarra. A agência chegou a excluir sua conta na rede social X e restringiu o acesso ao seu perfil no Instagram.

“Mesmo com toda a mídia ignorando e abafando o caso da Choquei, a internet não para de falar isso há dias. Espero que as pessoas tenham a persistência de não deixar morrer a memória da Jéssica”, alertou Nikolas.

O escândalo expõe um “gabinete do ódio” patrocinado por parte da mídia e políticos de esquerda. A articulação deste grupo emergiu após a morte da jovem Jéssica Vitória.

O caso virou um documentário intitulado “Choquei – Lacrando Vidas” e, devido à gravidade dos fatos, rapidamente viralizou, atingindo 1 milhão de views em menos de 24 horas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site! ACEPTAR
Aviso de cookies