Está repercutindo nas redes sociais um vídeo no qual o jornalista Marcelo Cosme, da GloboNews, minimiza a morte da menina Raquel Antunes da Silva, de 11 anos, atropelada por um carro alegórico durante desfile na Sapucaí, no Rio de Janeiro.

O acidente com Raquel ocorreu durante a última edição do carnaval carioca, no dia 20 de abril. A menina teve as duas pernas imprensadas por um carro alegórico contra um poste. Ela precisou ter uma das pernas amputadas e, após dois dias internada em estado grave, veio a óbito.

Na edição do GloboNews em Pauta que cobria o carnaval, Marcelo Cosme fala sobre a fatalidade de forma superficial e comenta que “acidentes acontecem”.

– Tem preocupação, acidentes acontecem, uma menina morreu, mas tem festa né? – disse o apresentador.

Cerca de uma semana após o ato falho do jornalista, o assunto ganhou popularidade após personalidades como Sikeira Jr. e o senador Flávio Bolsonaro compartilharem o vídeo nas redes sociais. Entre a noite desta quinta e esta sexta-feira (29), o assunto conta com centenas de menções no Twitter.

– Dessa vez a Rede Globo foi longe demais. A morte de uma criança esmagada durante o carnaval é tratado como um mero contratempo. Uma mosca no para-brisas. Imagine os pais dessa menina assistindo isso – comentou o youtuber Gustavo Gayer.

– Sabe quem é o candidato da Red Globo? – ironizou Flávio Bolsonaro.

Fonte: Pleno News