O ex-ministro da Cidadania e deputado federal João Roma afirmou, nesta quarta-feira (27), que o Partido dos Trabalhadores (PT) parece ter o setor produtivo como “adversário”. A declaração ocorreu durante um comentário do pré-candidato ao governo da Bahia sobre a retomada do projeto de irrigação Baixios de Irecê.

– A retomada e transformação em realidade do projeto de irrigação Baixios de Irecê, depois de anos de descaso, marca a diferença entre o governo Bolsonaro e as gestões do PT. Parece que os governos petistas consideram como adversários todos aqueles que querem produzir e, por isso, não contribuem com o setor produtivo – pontuou, em entrevista à rádio Caraíbas.

Roma ainda afirmou que o partido do ex-presidente Lula se “esquece que o agronegócio representa quase 30% da economia estadual”.

Ele também lembrou do caso da duplicação das BRs 101 e 116, que seguiu paralisada no estado da Bahia durante a gestão petista. O ex-ministro finalizou mencionando a Ferrovia de Integração Oeste-Leste, que segundo ele, só entrou “de verdade nos trilhos, durante o governo Bolsonaro”.

Fonte: Pleno News