Durante entrevista à Bloomberg, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, narrou uma conversa que teria tido com o presidente Jair Bolsonaro a respeito do ex-juiz e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro.

O ministro disse que Bolsonaro afirmou que errou ao indicar Moro para o Ministério da Justiça.

– Um dia, ele [Bolsonaro] me disse: “Olha, cometemos muitos erros e entre eles está ter nomeado Sergio Moro. Se tivéssemos um ano de experiência antes, talvez não tivéssemos feito isso” – contou.

Gilmar Mendes afirmou ainda que um dos legados de Bolsonaro foi ter nomeado Sergio Moro e “devolvê-lo para o nada”.

– Eu disse: ‘Não, presidente. Entre os seus legados está ter nomeado Sergio Moro ministro da Justiça e depois tê-lo devolvido para o nada’ – relatou.

Fonte: Pleno News