Por meio de suas redes sociais, a primeira-dama Michelle Bolsonaro compartilhou uma mensagem de consternação e lamentou a morte da mãe do cantor Delino Marçal, a pastora Odete Rosalina da Costa, de 79 anos. Nos stories de sua conta no Instagram, Michelle pediu a Deus que conforte o coração do cantor e da família da líder religiosa.

– Meu Deus, que notícia triste! Que tristeza, Senhor! Quanta barbaridade. Que Deus conforte o nosso irmão em Cristo, Delino Marçal, familiares amigos e ovelhas da nossa amada irmã – escreveu.

Postagem feita pela primeira-dama Michelle Bolsonaro Foto: Reprodução/Instagram

Em outra postagem, a primeira-dama também compartilhou uma foto da pastora juntamente com o trecho bíblico de 2 Timóteo 4:7-8 (Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda).

Michelle Bolsonaro compartilhou foto da mãe de Delino Foto: Reprodução/Instagram

O CASO
A pastora Odete Rosalina da Costa, de 79 anos, mãe do cantor Delino Marçal, foi morta com golpes, executados com um objeto de metal, na frente de uma igreja em Goiânia, na manhã desta sexta-feira (14). De acordo com a Polícia Civil de Goiás, o autor do crime foi preso.

De acordo com a Polícia Civil, Odete foi morta por um homem de 22 anos que teria se envolvido em uma briga com uma pessoa dentro da igreja Assembleia de Deus Ministério Primogênito, na região Noroeste de Goiânia. Na ocasião, de acordo com a corporação, o homem teria acertado a pastora com vários golpes, executados com um objeto de metal.

Ainda de acordo com a Polícia Civil goiana, após praticar o crime, o homem fugiu do local e começou a jogar pedras em ônibus que passavam pela região. Depois de ser acionada, a Polícia Militar foi ao local e realizou a prisão em flagrante do autor do crime, que foi encaminhado para a Central Geral de Flagrantes de Goiânia.

Além de Delino, Odete teve outros oito filhos. O cantor gospel foi vencedor do Grammy Latino em 2019, na categoria de Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa, com o CD Guarda Meu Coração. Cantor de Deus é Deus, Delino também é autor da música Jó, famosa na voz de Midian Lima.

Fonte: Pleno News