Nesta segunda-feira (22), a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) participou do lançamento virtual do livro China: o socialismo do século XXI (Editora Boitempo), de Elias Jabbour e Alberto Gabriele. Durante um debate, ela elogiou o modelo chinês de sociedade.

– A China representa uma luz nessa situação de absoluta decadência e escuridão que é atravessada pelas sociedades ocidentais. Não se pode deixar de admirar um país que sai do feudalismo, do mais brutal controle colonialista, para se tornar a segunda maior economia do mundo e a primeira em paridade de poder de compra – falou.

A petista também apontou o “preconceito” do Ocidente em relação ao Partido Comunista Chinês (PCCh).

– Há toda uma gama de preconceito e sujeito oculto no caso do desenvolvimento da China, pelo menos da perspectiva dos países ocidentais. Temos que entender a relação entre o partido e os instrumentos de Estado da superação da pobreza – declarou.

Fonte: Pleno News