O ministro das Comunicações, Fábio Faria, criticou duramente a postura do ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, durante a pandemia de Covid-19. Em uma entrevista concedida ao jornal O Estado de São Paulo, Fábio afirmou que o ex-juiz “abandonou o país” durante a pandemia do novo coronavírus ao ir morar nos Estados Unidos e “agora volta para querer ser candidato”.

– Onde ele [Moro] estava nesse último ano, quando estávamos com pandemia, as pessoas morrendo, ele foi para os Estados Unidos. Foi embora, abandonou o país. E volta agora para querer ser candidato? – questionou o ministro.

O chefe da pasta federal disse que não vê “condição de crescimento” da candidatura de Moro por acreditar que ele não conseguirá votos nem da direita e nem da esquerda. Fábio afirmou ainda que acha o ex-juiz da Lava Jato “totalmente sem capacidade para ser presidente da República”.

– [Moro] Vai ter o voto de pessoas que eram bolsonaristas e já não são mais, poderiam estar votando em outro nome da terceira via e vão optar por ele. Não vejo ele captando gente de dentro do governo, da base, do grupo do presidente Bolsonaro – declarou.

Sobre as eleições do próximo ano, Fábio Faria avaliou que “o vento que sopra no Brasil ainda é de centro-direita”, e disse acreditar que o cenário atual, com Lula liderando todas as pesquisas a menos de um ano das eleições, pode mudar.

– Os números do Lula têm muita gordura. Ele já começou a queimar. E por outro lado Bolsonaro sai de um momento de pandemia gravíssimo, as pessoas em casa, com medo de morrer, perdendo parentes, agora estamos vendo a vida de volta […] muita gente achou que ele ia morrer, mas ele sobreviveu, porque tem um arranque muito forte, do grupo que está com ele – completou.

Fonte: Pleno News