O governador de São Paulo, João Doria, está jogando com todas as armas que tem para vencer as prévias do PSDB – votação interna que escolherá o candidato do partido à Presidência da República em 2022. Em vídeo divulgado nesta quinta-feira (4), Doria exalta seu próprio esforço para trazer a CoronaVac para o Brasil e chega a citar a mãe do presidente Jair Bolsonaro, Dona Olinda Bolsonaro, para se promover.

No vídeo de 2 minutos e 35 segundos, Doria diz que atuou para providenciar a vacina que “está no braço do Lula, do general Heleno e da mãe do Bolsonaro”. O tucano ainda faz piada com os apelidos “calça apertada” e “coxinha”, criados pela oposição.

– Bolsonaro já chamou ele de ‘calça apertada’. Os petistas o chamavam de ‘coxinha’. Bom, enquanto eles procuravam apelidos pro Doria, o Doria procurava uma vacina pro Brasil. E o coxinha calça apertada atravessou o mundo para conseguir a única vacina que o Brasil teve no pior momento da pandemia. A vacina que salvou vidas de idosos, médicos e enfermeiros. De petistas e de bolsonaristas. A vacina que tá no braço de brasileiros de todas as regiões, no braço do Lula, do general Heleno e da mãe do Bolsonaro – diz o norrador.

Doria encerra o vídeo afirmando ser a melhor opção para quem não quer “se contentar com mais do mesmo”. Nesse instante, o vídeo expõe fotos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do presidente Jair Bolsonaro, em que ambos aparecem “carrancudos”.

Fonte: Pleno News