O jornalista Allan dos Santos criou, nessa quinta-feira (21), uma plataforma virtual para receber doações, após o ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), determinar sua prisão preventiva e sua extradição dos Estados Unidos.

Por meio do site www.allandossantos.com, os apoiadores de Allan podem contribuir com uma assinatura mensal de dez dólares.

Ao divulgar a plataforma, o Terça Livre afirmou que o jornalista estaria “sozinho” diante das decisões da Justiça brasileira.

Allan está atualmente nos Estados Unidos, com a validade do visto de visitante já vencido. Ele teve mandado de prisão expedido a pedido da Polícia Federal (PF).

O editor do Terça Livre é alvo de dois inquéritos no STF: um que investiga a suposta divulgação de fake news e ataques a ministros da Corte e um outro que aponta a possível atuação de uma “milícia digital” que estaria conspirando contra a democracia.

Fonte: Pleno News