A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados decidiu marcar a data para ouvir as explicações do ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre suas contas offshore nas Ilhas Virgens. Guedes falará aos parlamentares no dia 10 de novembro. A informação foi dada pelo site Poder 360.

Os deputados aprovaram a convocação do ministro no dia 5 de outubro. O requerimento foi apresentado pelo deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP), que apontou que Guedes poderia ter se beneficiado do cargo para deixar seus investimentos mais rentáveis.

Offshore é o nome dado a empresas localizadas fora do local de origem dos donos. A existência dessas empresas no nome tanto de Guedes quanto no de Campos Neto, presidente do Banco Central, foi divulgada pelo Pandora Papers, investigação de um consórcio internacional de jornalistas.

A investigação tem como base documentos vazados de 14 escritórios internacionais de abertura de empresas em paraísos fiscais no exterior. As matérias citam figuras públicas, políticos e até cantores e monarcas.

Guedes e Campos Neto afirmaram que as participações deles em offshores foram declaradas à Receita Federal, à Comissão de Ética Pública e às demais autoridades brasileiras competentes e não violam a legislação.

Fonte: Pleno News