Eduardo vai à Justiça para ter acesso à conta dele no Facebook

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) ingressou com uma ação contra o Facebook, na Justiça do Distrito Federal, em que pede que a restrição de uso de seu perfil por 30 dias, determinada pela plataforma, seja derrubada. As informações foram divulgadas pelo jornal O Globo.

Desde o último dia 14 de julho, Eduardo está proibido de publicar em sua conta e comentar nas postagens de outros usuários. De acordo com a defesa do parlamentar, ele foi punido por compartilhar um vídeo do presidente Jair Bolsonaro que apontava para a tese de que existe supernotificação de óbitos pela Covid-19 no Brasil.

Em junho, Eduardo já havia recorrido ao Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) contra a empresa por conta de suspensão de suas publicações, na mesma rede social, no período de 8 a 14 de junho. A plataforma, entretanto, afirmou que o problema foi apenas uma “questão técnica”.

Fonte: Pleno News