Sob Lula, Brasil supera mil mortes por dengue nestes três meses

Mais de 1.000 pessoas já morreram de dengue no Brasil em 2024, de acordo com o Painel de Arboviroses do Ministério da Saúde. O número de óbitos supera o total de 2023, que foi de 1.079.

Além das mortes confirmadas, há 1.531 casos em investigação. O número total de casos prováveis da doença no país já chega a 2,6 milhões.

Sete estados ainda apresentam tendência de aumento da epidemia: Alagoas, Bahia, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe. Em 12 estados, os números estão estáveis.

Negligência do governo Lula:

  • Em julho de 2023, o governo petista alegou priorizar a produção da vacina nacional contra a dengue, do Instituto Butantan, mesmo sem data prevista para a conclusão das pesquisas.
  • Como resultado, o SUS não recebeu vacinas contra a dengue, o que contribuiu para o recorde de casos e mortes pela doença em 2024.
  • Nas duas primeiras semanas de 2024, o número de casos prováveis de dengue mais que dobrou em comparação com o mesmo período do ano passado.

Bruno Rigacci

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site! ACEPTAR
Aviso de cookies