Michelle Bolsonaro recebe título de cidadã paulistana no teatro

Nesta segunda-feira (25), a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro recebeu o título de cidadã paulistana das mãos do vereador Rinaldi Digilio (União Brasil). A entrega da honraria foi feita no Theatro Municipal de São Paulo, no centro da capital paulista.

A festividade foi alvo de ações na Justiça, com uma deputada do PSOL conseguindo uma decisão para impedir a realização do evento no local. Para não cancelar o evento, Digilio precisou pagar a locação do prédio com seus próprios recursos, fazendo um empréstimo bancário.

Várias personalidades políticas estiveram presentes, entre elas o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), o senador Ciro Nogueira (PP-PI), a vice-governadora do Distrito Federal Celina Leão (PP), vereadores da capital e deputados estaduais e federais.

O ex-presidente Jair Bolsonaro também esteve presente e fez questão de dar uma palavra, elogiando a forma como sua esposa se envolveu com questões sociais, passando pelo discurso histórico que ela fez durante a sua posse, em janeiro de 2018.

– A melhor primeira-dama do Brasil, melhor e mais bonita. Falo com coração e com emoção (…) Passamos por momentos difíceis e continuamos passando – declarou.

Digilio também pôde discursar, fazendo questão de citar que foram dois anos tentando aprovar a homenagem na Câmara Municipal de São Paulo, enfrentando muita resistência por parte dos vereadores de esquerda que, mesmo após a aprovação, tentaram impedir a entrega da honraria.

O vereador fez questão de citar a história da ex-primeira-dama e do quanto ela enfrentou e ainda enfrenta perseguições, tanto ela, quanto os demais integrantes da família Bolsonaro.

Agradecida, Michelle relembrou como se envolveu com libras e doenças raras, citando ainda projetos que foram criados com seu apoio durante o governo de Jair Bolsonaro para auxiliar essas comunidades, mas foram descontinuados pelo atual presidente.

Por fim, ela pediu ao vereador, que é pastor da Igreja Família Global, que fizesse uma oração por ela e pelo ex-presidente Jair Bolsonaro.

*Pleno News

Bruno Rigacci

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site! ACEPTAR
Aviso de cookies