Milei diz atuar para Argentina declarar Hamas como terrorista

O presidente da Argentina, Javier Milei, afirmou em suas redes sociais no dia 23 de dezembro de 2023 que está trabalhando para que o país declare o Hamas como uma organização terrorista. A declaração foi feita em resposta a uma publicação da deputada Sabrina Ajmechet, que é presidente da Comissão de Liberdade de Expressão na Argentina e professora de Pensamento Político na Universidade Federal de Buenos Aires (UBA).

Diversos países, como Estados Unidos, União Europeia, Reino Unido, Israel, Japão e Canadá, já reconhecem o Hamas como organização terrorista. O Brasil, por sua vez, não adota essa classificação e acompanha as decisões do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre o tema.

A decisão de Milei pode ser interpretada como uma tentativa de alinhamento com os Estados Unidos e outros países aliados do Ocidente. O governo argentino também pode estar buscando fortalecer suas relações com Israel, que considera o Hamas uma ameaça à sua segurança.

A medida poderá ser criticada por grupos que defendem a causa palestina e que consideram o Hamas um movimento de resistência legítimo.

É importante acompanhar o desenvolvimento desta questão para compreender como ela afetará as relações da Argentina com outras nações e com o conflito israelo-palestino.

Bruno Rigacci

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site! ACEPTAR
Aviso de cookies