Futuro presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), cargo que assume no dia 16 de agosto, o ministro Alexandre de Moraes publicou neste domingo (10), em sua rede social, que “a intolerância, a violência e o ódio são inimigos da democracia”.

Moraes ainda ressaltou que “o respeito à livre escolha é sagrado e deve ser defendido por todas as autoridades no âmbito dos três poderes”. São eles: legislativo, executivo e judiciário.

– A intolerância, a violência e o ódio são inimigos da Democracia e do desenvolvimento do Brasil. O respeito à livre escolha de cada um dos mais de 150 milhões de eleitores é sagrado e deve ser defendido por todas as autoridades no âmbito dos 3 Poderes – postou o ministro.

A declaração foi feita horas após o assassinato do guarda municipal e tesoureiro do PT Marcelo Aloizio de Arruda, morto a tiros enquanto comemorava sua festa de 50 anos em Foz do Iguaçu, no Paraná. A cerimônia tinha como tema o Partido dos Trabalhadores.

Fonte: Pleno News