O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) criticou o acúmulo de grandes fortunas por parte de banqueiros e chegou a se referir aos mesmos como imbecis.

– Essas pessoas não podem ser tão ignorantes de quererem só acumular riqueza. Fulano de tal é o sujeito mais rico do mundo. Tem 50 milhões de dólares, outro tem 70 milhões de dólares. Para quê? Você vai gastar no quê? Para que você quer acumular tanto dinheiro, imbecil? Distribua parte disso em salário – afirmou em entrevista à rádio Metrópole, de Salvador, nesta sexta-feira (1º).

O petista revelou parte de uma conversa recente que teve com um grupo de banqueiros. Segundo ele, fez exortação aos milionários.

– Esses dias fiz uma reunião com alguns banqueiros importantes. Falei: “P****, vocês não pensam no povo? Não pensam na pobreza? Não pensam no povo que está nas ruas? Não pensam no povo que está sem comer? Só querem ganhar dinheiro?” – disse .

Ainda durante a entrevista, Lula mostrou convicção de que os banqueiros não são seus eleitores.

– Banqueiro não vota em mim. Tenho certeza que não vota em mim. Eles olham para minha pele e falam assim: “Esse cara nem sabe falar direito” – declarou.

O petista, que esteve em pelo menos quatro jantares com empresários em junho, criticou o setor.

– Na cabeça dessa gente não existe pobreza, não existe fome, não existe gente dormindo na rua, não existe gente dormindo na sarjeta, não tem criança morrendo de desnutrição. Parece que eles vivem em uma redoma de vidro, em que o mundo gira em torno deles, dos interesses deles – disparou o petista.

Fonte: Pleno News