Apesar de ter ficado menos de 24 horas no ar, o Sistema de Valores a Receber (SVR) do Banco Central (BC), página criada para que pessoas físicas e jurídicas consultem e resgatem possíveis valores “esquecidos” em bancos, possibilitou 8,5 mil solicitações de devolução, em um total de R$ 900 mil. Os recursos serão transferidos via Pix em até 12 dias úteis.

O Banco Central estima que, no total, R$ 8 bilhões devem estar disponíveis para devolução, mas nesta primeira fase são R$ 3,9 bilhões para 28 milhões de pessoas ou empresas. De acordo com o BC, 79 mil pessoas conseguiram consultar o SVR desde segunda-feira (24).

O valor resgatado, porém, poderia ter sido maior, já que o site do BC ficou fora do ar durante toda a terça-feira (25) por conta do número de acessos, que surpreendeu a autoridade monetária. A instituição afirmou que o sistema deve retornar “o mais rápido possível”.

Em nota, o BC disse que suspendeu temporariamente o acesso ao sistema SVR para estabilizar o sistema e as páginas do Banco Central, do Registrato e do site Minha Vida Financeira. Ao tentar acessar a página do Sistema de Valores a Receber, o usuário é informado que a instituição está trabalhando “para que o funcionamento dos sites seja normalizado”.

Fonte: Pleno News