O ministro Alexandre de Moraes expediu um mandado de prisão contra um professor residente da cidade de Otacílio Costa, na região serrana de Santa Catarina, que tem pouco mais de 17 mil habitantes. A Polícia Federal cumpriu a ordem de prisão neste domingo (5).

O homem foi encaminhado ao presídio Regional de Lages.

O advogado do professor, Silvano William Antunes, foi quem denunciou a ação nas redes sociais, na noite deste domingo. Antunes publicou uma foto em frente ao prédio da Polícia Federal em Lages.

– Neste momento na Polícia Federal acompanhando cliente preso por ordem do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes. Segundo a decisão, o cliente estaria supostamente convocando a população para prática de atos criminosos e violentos – escreveu, fazendo referência às manifestações do dia 7 de setembro.

Advogado Silvano Antunes tornou pública a prisão de seu cliente Foto: Reprodução Instagram

Ainda segundo o defensor, o motivo da prisão foi uma live da qual seu cliente participou – e na qual ele teria feito a convocação para as manifestações.

Fonte: Pleno News