Nesta quarta-feira (21), a narradora Natália Lara, do SporTV, usou o pronome “elu” durante o jogo Japão x Canadá pelo futebol feminino nas Olimpíadas de Tóquio. A declaração foi feita quando Lara se referiu a Quinn, meio-campista da seleção canadense.

Em setembro de 2020, por meio de uma postagem no Instagram, Quinn declarou que é uma pessoa transgênero não binária, ou seja, não se identifica nem como homem, nem como mulher. A publicação dizia que Quinn já vivia há muitos anos “como uma pessoa abertamente trans” com as pessoas mais próximas, mas “sempre me perguntei quando me revelaria publicamente”.

Durante a partida, quando Quinn saiu de campo após uma substituição, a narradora explicou o uso do pronome, e o comentarista Conrado Santana disse que “elu jogou muito bem”.

No Twitter, a narradora repercutiu uma matéria sobre o ocorrido e disse que “Quinn é uma pessoa trans não-binária e usar pronome neutro é como se sente mais confortável”. Lara também disse que “elu jogou muito bem e merece o respeito”.

elu jogou bem

Fonte: Pleno News