Nesta quinta-feira (11), durante transmissão ao vivo pelas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro ironizou a notícia de que jornalistas do Estadão, da Folha e do Globo promoveram uma paralisação exigindo um reajuste de 8,9% em seus salários. Em suas redes sociais, o presidente aconselho a categoria a “ficar em casa”.

A manifestação dos profissionais de imprensa ocorreu nesta quarta-feira (10). O ato teve início em São Paulo, mas acabou se espalhando para outros estados. Os jornalistas afirmam que o aumento é necessário para compensar a alta da inflação.

Ao comentar a situação, Bolsonaro alfinetou os jornalistas usando a chamada “linguagem neutra”.

– Tô vendo aqui. Jornalista da Globo, Folha e Estado de S.Paulo. Pedindo reajuste de 9% para ‘todxs’. É isso mesmo? Para ‘todxs’. Eu posso dar um conselho para vocês. Fique em casa – apontou.

O presidente então voltou a dizer que o problema da inflação acontece no mundo todo.

– Vocês não recomendaram isso o tempo todo para o povo trabalhador? Fique em casa. Porque as consequências daquela história que vocês da imprensa falaram tanto, ‘fique em casa que a economia a gente vê depois’, está servindo também para a imprensa. Todo mundo está pagando um preço alto nisso. A inflação está no mundo todo – ressaltou.

Na sequência Bolsonaro falou sobre outros problemas e disse que a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, está buscando fertilizantes no mundo para o agronegócio brasileiro.

Fonte: Pleno News